O empresário que foi morto em Castanhal num terreno onde tinha um sítio e um centro de umbanda, o maior de Castanhal, que é frequentado por gente “vip” da cidade, foi sepultado domingo último com grande acompanhamento de amigos e conhecidos.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui