Não é fácil para as prefeituras, mesmo as das capitais, manter em funcionamento uma Unidade de Pronto Atendimento. Todo o custo de operação e manutenção tem que ser bancado pelas prefeituras, que é estimado num gasto mensal de R$ 1,2 milhão.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui