A Phebo, que era o orgulho do paraense e tinha produtos conhecidos em todo o Brasil, começou a perder as características regionais quando foi vendida para a Colgate-Palmolive que transferiu a produção para uma fábrica em Ilhéus.

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of