O processo de privatização ainda é desconhecido, mas os barraqueiros da Praia do Atalaia já estão preocupados. Temem que as áreas dos bares e restaurantes, se forem leiloados, alcançarão altos preços, impedindo que os atuais barraqueiros participem da disputa.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui