Em décadas passadas a Polícia, prendia duas categorias de ladrões que não existem mais: o batedor de carteira e o ladrão de galinhas, que, na verdade, roubava o que encontrava nos quintais, engordando para serem consumidos no almoço do Círio, como patos e leitões.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui