Por mais incrível que possa parecer, a licença ambiental para a duplicação da BR-236, de Castanhal até a estrada que leva a Salinas, passou mais de um ano para ser concedida pela Semas, o que fez com que a obra não tenha começado.

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of