O porto foi construído por uma indústria de fertilizantes com o mesmo nome, mas a empresa nem teve tempo de operá-lo; faliu antes. No governo do Presidente José Sarney o governo federal o comprou, mas não conseguiu fazê-lo funcionar. Agora, a CDP vai levá-lo à privatização.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui