Muitos pais que tem filhos estudando no Colégio Nazaré não deixaram que eles fossem às aulas ontem. É que um aluno com problemas psicológicos havia marcado uma ação contra colegas e alunos do Maristinha, frequentado por crianças com idades entre cinco e 10 anos, para a quarta-feira. O colégio, sempre empenhado em garantir o bem estar e segurança de alunos e professores, anunciou, em rede social, que o aluno ameaçador havia sido afastado por tempo indeterminado.

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of