A economia dos municípios do Marajó está cada vez mais cambaleante. Um dos motivos foi a queda na pecuária marajoara que, sozinha, já abasteceu os talhos e mercados de Belém, com carnes e vísceras de gado. Um município como Salvaterra só produz abacaxi, cujas plantações são originais e não precisam nem de assistência técnica. Lá não há nem hortaliças, tanto que até a alface consumida pelos hóspedes da Pousada dos Guarás é levada de Belém pelo proprietário da casa, Tony Santiago.

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of