A Cosanpa fez sua primeira demonstração de ineficiência no atual governo. E em grande estilo, diga-se. Deixou 65% de Belém sem água nas torneiras, além de Mosqueiro, Icoaraci e Outeiro. O presidente da empresa disse que a situação será totalmente solucionada só em julho. Até lá a população da capital e dos distritos cuidem de providenciar os baldes.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui