O Ministério Público recorreu contra a decisão que inocentou cinco acusados de fraudes, quando trabalhavam na Alepa.

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of