Sabe-se agora que grande parte do secretariado do governo Simão Jatene fez resistência forte contra o projeto da estrada de ferro que cortaria todo o estado. Para esse grupo o projeto era megalômano e, por isso mesmo, inviável e de custo altíssimo, tanto que não interessou a nenhum grupo de investidores, nem do país, nem do estrangeiro, inclusive da China.

#avenidaliberdade

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui