O processo de licenciamento para a construção de um condomínio em Salvaterra está parado há mais de um ano no Ministério Público do Estado. É que a alegação de que a obra será erguida numa área de preservação ambiental foi contestada pelos proprietários do negócio e, após isto, o processo nunca mais andou. Dia 20 de março está marcada uma audiência pública, convocada pelo MP, na sede da Câmara Municipal de Salvaterra, para a questão ser novamente discutida. O grupo empreendedor investirá R$ 30 milhões e vai gerar 400 empregos diretos.

#ministeriopublicodoestado #salvaterra

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of