No dia 24 de fevereiro (domingo), às 18 horas, na Sala Augusto Meira Filho – Arte Doce Hall e com entrada franca, a Orquestra Jovem Vale Música e o cantor lírico paraense Alexsandro Brito, irão interpretar composições especiais, nesta que será a primeira apresentação do ano do grupo. A Orquestra faz parte do projeto da Fundação Amazônica de Música,

Dentre as obras escolhidas para a noite estão as composições de G. Rossini, L.V. Beethoven, Ernesto de Curis. A regência será do jovem maestro Renan Cardoso que fará sua primeira apresentação de concerto inteiramente sob seu comando.

Repertório – Serão interpretadas pela OVM e pelo solista da noite, Alexsandro Brito, as seguintes composições: Abertura da Ópera “La Cambiale di Matrimonio”, de G. Rossini (1792-1868); Ópera “Martha” – Ária “Ash So Fromm, Ash So Traut”, de Friedrich Von Flotow (1812-1883); Ópera “Elixir do Amor” – Ária “Una Furtiva Lagrima”, de G. Donizetti (1797-1848); Ópera “Rigoletto” – Ária “La Donna e Mobile”, de G. Verdi (1813-1901); Ópera “Cavalleria Rusticana” – Intermezzo, de P. Mascagni (1863-1945), “Egmont” – Abertura Op. 84, de L. V. Beethoven (1770-1827), Mamma son tanto felice , de Cesare Andrea Bixio (1896-1978), O Sole Mio, de Eduardo Di Capua (1865-1917) e Alfredo Mazzuchi (1878-1972) e Torna a Surriento, de Ernesto Curis (1875-1937).

Regência – O jovem violinista de 23 anos, Renan Cardoso, será o regente da noite. Ele é oriundo do projeto musical realizado na Fundação Amazônica de Música e, desde muito cedo, tem trilhado o caminho artístico. “Comecei no coral e flauta doce ainda criança e depois passei para o violino. A música erudita, de certa forma, modificou minha vida”, diz Renan, filho de pais não músicos.

Morador do bairro do Jurunas, na Grande Belém, Renan começou a se interessar pelo ofício de maestro aos poucos, conforme ia observando os movimentos de profissionais que já o regeram. “Quando comecei a tocar em orquestra, em grupo, eu me apaixonei ainda mais pelo instrumento que tocava, mas depois de um certo tempo, comecei a observar os movimentos do maestro e repetia brincando com os amigos antes dos ensaios. Foi então, que me vi sentindo a vontade de conhecer melhor essa área”, lembra Cardoso, que é formado em Bacharelado em Música – com habilitação em violino, pelo Instituto Estadual Carlos Gomes.

Renan conta que a primeira figura notável da área, que ele conheceu, foi o maestro da Orquestra do Theatro da Paz e Orquestra Jovem Vale Música, Miguel Campos Neto. “Eu observava muito o maestro Campos Neto, que regia a orquestra onde eu tocava. O trabalho que ele desenvolve com os músicos exige muito domínio e dedicação”, descreve o jovem. Recentemente, Miguel Campos Neto foi eleito pela revista especializada “Movimento.com”, como o regente revelação 2018, por seu trabalho à frente de óperas.

“Trabalhar como regente de música clássica tem uma perspectiva diferente, pois esse gênero é antigo e refinado. A música erudita já me proporcionou experiências que nunca imaginei viver”, afirma o músico, que hoje é integrante da Orquestra Jovem Vale Música, Orquestra Sinfônica do Theatro da Paz, além de trabalhar como professor de violino na Fundação Amazônica de Música e no Instituto Estadual Carlos Gomes.

Uma das experiências mais marcantes na carreira do jovem regente aconteceu em São Paulo. Sobre esse momento ele diz que “a apresentação mais significativa foi na sala São Paulo, uma das salas mais famosas de concerto do nosso país, onde também acontecem os ensaios de uma das melhores orquestras do Brasil e do mundo, a Orquestra Sinfônica do Estado de São Paulo – OSESP”.

Apesar de jovem, Renan Cardoso já coleciona apresentações em vários lugares do Brasil e também do exterior. “Já toquei no Theatro Municipal do Rio de Janeiro; no Theatro Cláudio Santoro, em Basília e no Theatro Amazonas. Também já estive no José de Alencar, em Fortaleza”, recorda.

Em fevereiro de 2013, por meio de intercâmbio musical com a Universidade do Novo México, viajou para a cidade de Albuquerque (EUA), onde teve aulas com o Prof. Carmelo de Los Santos e no mesmo ano, em novembro, integrou a Orquestra do Festival Villa-Lobos, formada por músicos do Brasil e da Venezuela, em concerto realizado na Sala Rios Reyna, no Complexo cultural Teresa Carreño, Caracas –Venezuela, sob a regência do Maestro Dietrich Paredes. Em março de 2016, ele ganhou em 1° Lugar o concurso Doris Azevedo Para Jovens Musicistas, na categoria Música de Câmara.

Sobre o atual desafio de sua carreira, o estudo da regência orquestral, ele reflete. “Além do trabalho intelectual que precisa ser feito antes do momento do ensaio, uma das maiores dificuldades é canalizar habilidades heterogêneas de mais de 60 músicos e transformar isso em uma unidade sonora”.

Outro desafio que o jovem maestro vai encarar na noite da apresentação é harmonizar a orquestra com a participação de um convidado especial, o cantor lírico Alexsandro Brito.

Alexsandro Brito (Foto: Divulgação)
Canto – Assim como será a primeira vez de Renan comandando inteiramente um concerto orquestral, também será a primeira vez de Alexsandro Brito como convidado especial da OJVM. Alexsandro iniciou seus estudos de canto em 2010 no Instituto Estadual Calos Gomes sob a orientação de Patricia Oliveira, tendo posteriormente estudado com as professoras Luciana Tavares, Kézia Andrade. Atualmente, segue sendo aluno da professora Jena Vieira.

Alexsandro já participou de diversos Master classes com renomados cantores como, Miguelangelo Cavalcanti, Damon Ploumis, Laura de Souza, Eliane Coelho, Jo ella Todd, Silverio de La O, Ana Esther Neves, Carla Caramujo e Adriane Queiroz e, ao longo dos anos, tem desenvolvido extensa atividade como coralista e cantor solista.

O cantor já integrou cinco edições do Festival de Ópera do Theatro da Paz, no coro lírico do festival, sob a regência do maestro Vanildo Monteiro. Em 2016, Alexsandro recebeu bolsa para o Lyric Opera Studio of Weimar, na Alemanha, na ópera A Flauta Mágica, de Mozart. Além destas experiências profissionais, ele participa ativamente, como solista, no Ópera Estúdio da Fundação Carlos Gomes.

Onde?

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of