A Prefeitura ainda não abriu a licitação que escolherá o permissionário do Mercado de São Braz, a quem caberá recuperar o prédio que será transformado num equipamento de venda e de lazer. O projeto de restauração, assinado pelo arquiteto Aurélio Meira, já foi aprovado com louvor pela administração municipal.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui