Tacacá, uma herança da culinária indígena

Confira o roteiro com os melhores endereços para tomar tacacá em Belém do Pará. Toma-se o tacacá – não se diz comer, nem beber

0
Foto: Cristino Martins/Agência Pará

tacacá substantivo masculino
PA caldo feito com a goma da mandioca, camarões e tucupi e temperado com alho, sal e pimenta, a que se adiciona jambu, erva com a propriedade de provocar sensação de formigamento na boca.

O ​tacacá é uma iguaria típica da culinária amazônica, preparada com um caldo amarelado, chamado tucupi. Coloca-se esse caldo por cima da goma de tapioca, também servida com jambu (erva amazônica que provoca uma dormência na boca) e camarão seco. Serve-se muito quente, temperado com pimenta, em cuias. O tucupi e a goma são resultados da massa ralada da mandioca que, depois de prensada para fazer farinha, resulta num líquido leitoso-amarelado. Após deixado em repouso, a goma fica depositada no fundo do recipiente e o tucupi na sua parte superior.

Serve-se em cuias. Coloca-se primeiramente um pouco de tucupi e o caldo da pimenta-de-cheiro com tucupi. Acrescenta-se a goma e arranjam-se os ramos do jambu de modo bem distribuído. Colocam-se os camarões e acrescenta-se mais tucupi até quase completar a cuia.

Toma-se o tacacá – não se diz comer, nem beber – levando-se os lábios até a cuia, sorvendo em pequenas quantidades o tucupi, misturado com a goma. Utiliza-se um palitinho de madeira para comer o camarão ou o jambu.

É habitual consumir-se o tacacá no final da tarde, em via pública, nas tradicionais tacacazeiras. Nos últimos anos, visando oferecer mais conforto e segurança aos clientes, algumas barracas de tacacá começaram a oferecer espaços climatizados, ampliaram o cardápio e tornaram-se pequenos restaurantes. Além do tacacá, oferecem delícias como arroz de pato, vatapá, caruru, maniçoba, etc.

Confira o roteiro com os melhores endereços para tomar tacacá em Belém do Pará:

Tacacá do Renato
1) Av. Serzedelo Correa, 811 – Entre R. dos Pariquis e R. dos Mundurucus
2) Tv. Pirajá, esquina com a Av. Duque de Caxias (ao lado do Cassazum)
Delivery e informações: (91) 3351-2462

O proprietário, Renato Nascimento, foi um dos primeiros que investiu num espaço mais confortável, com cardápio variado. No endereço da Tv. Pirajá, continua com a tradicional barraca de rua. Já o endereço da Av. Serzedelo Correa oferece ao cliente mais opções, além de ar-condicionado, mesas e mais segurança em um ambiente bem agradável. O Tacacá do Renato é um dos preferidos pelo público paraense e turistas que querem provar a cozinha regional.

Tacacá da Dona Marina
Av. Visconde de Souza Franco (esquina com a R. João Balbi) – Umarizal

O Tacacá da Dona Marina é um dos mais tradicionais da cidade. Em 1985, D. Marina da Silva aproveitou o movimento de pessoas durante um show na cidade e montou uma pequena banca de tacacá. O reconhecimento nacional foi impulsionado pela matéria produzida pela apresentadora Ana Maria Braga em visita a Belém, no ano de 2001. O site Belém do Pará fez uma enquete que elegeu o Tacacá da Dona Marina como o melhor da cidade. Além do tacacá, oferece um bolo de macaxeira (mandioca, aipim) muito elogiado.

Tacacá da Flávia
1) Av. Pedro Miranda (próximo à Tv. Timbó) – Pedreira
Telefones: (91) 3032-0149 e (91) 98265-3058
2) Av. Dr. Freitas (esquina com a Av. João Paulo II, Praça Celso Sarub) – Marco
Telefone: (91) 3347-6414

Aflaviana Ribeiro acompanha todo o processo de preparo do tacacá, além de outros pratos, como vatapá e caruru. Para quem gosta de maniçoba, ela é servida às sextas e aos sábados, domingos e feriados, nos dois endereços. O bolo de macaxeira também faz sucesso.

Tacacá da Vileta
Av. Duque de Caxias (esquina com a Tv. Vileta) – Marco
Telefone: (91) 3226-9332

A clientela consome diariamente 100 litros de tucupi. O cardápio inclui também vatapá e caruru, além de sobremesas, como brigadeiro, queijadinha e bolo de macaxeira.

Tacacá do Quincas
Av. Conselheiro Furtado, 2017 (próximo à esquina da Tv. 14 de Março)
Telefone: (91) 3222-4785

O Tacacá do Quincas oferece no cardápio, além do elogiado tacacá, pratos como vatapá, bolo de macaxeira e maniçoba (que também é vendida congelada). Ambiente agradável, com mesas e um bom atendimento. Só aceita pagamento em dinheiro.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here